Veja Aqui Os Melhores Vídeos

Loading...

Tradução

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

Cursos 24 Horas

Rápido e Prático. Fazer Cursos Online é uma forma rápida e prática de aprender. É possível iniciar um curso em qualquer dia, não é necessário apresentar documentos ou participar de processos burocráticos para iniciar as aulas. http://www.cursos24horas.com.br/parceiro.asp?cod=promocao16205&id=16515.asp Cursos Online com Certificado
Cursos 24 Horas - Cursos Online a partir de R$ 20 ">

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

CONVENCIDO, CONVERTIDO ou CONHECIDO?




Convencido significa como aquele que se convenceu, que é convicto de algo. Também significa convencida aquela pessoa que acha mais de si, mesma.
Que se acham mais do que convém.

Muitos têm abraçado a fé cristã, tem aceitado a seguir Jesus, mas na realidade muito poucos tem entendido o que é ser cristão. Ser cristão é mais do ir à igreja em finais de semana e ler a palavra de Deus nos cultos.
Ser cristão é viver uma vida transformada a cada dia. Muitos acabam no meio da caminhada cristã, porque o coração deles não está focado em Deus e o temor deles, consiste em mandamentos de homens.
Tito 1:16.No tocante a Deus ,professam conhecê-lo mas negam com as obras, sendo abomináveis, e desobedientes e reprovados para toda boa obra.
O convencido muitas vezes se veste como crente, fala como crente, mas sua mente é dúbia, tem ânimo dobre, ou seja, é inconstante. Um dia pode estar na igreja e ser “uma benção” louvando ao Senhor, mas no outro junto à roda dos escarnecedores, numa mesa de bar, ou indo a outros lugares onde Deus não habita.
O salmos 1 diz: Bem aventurado o homem que não anda segundo o conselho de ímpios. Nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores, antes tem o seu prazer na lei do Senhor e nela medita dia e noite. (Sl 1:1-2).
Aqui neste texto se fala em ação: andar ouvindo o conselho descrente, parar no caminho que eles andam e se assentar, que significa, compactuar com seus atos.
O Senhor adverte: “vós que sois de ânimo dobre (inconstantes), limpai o coração (Tiago 4:40).
Deve partir do verdadeiro cristão a ação de limpar o coração, andar em retidão e estar com seu coração cheio de Deus. Os convencidos aceitam Jesus, mas não estão arraigados no Senhor, nem o coração firme em Deus. São aqueles cuja semente foram plantadas em solo rochoso,que ouvem a palavra, mas por não terem raiz e uma profundidade em Deus acabam sendo sucumbidos pelas tribulações e perseguições da vida. (Marcos 4:5-6;16-17). Embora muitos indo a cultos da igreja não o glorificam com sua vida, vindo perseguição por causa da palavra ,negam Jesus. Pedro foi um desses que foi chamado, andou com Jesus, mas cujo coração não estava totalmente em Deus. Apesar de não pecar, Pedro era inseguro, pois era de crente de boca, como muitos hoje. Fazia promessas a Deus, de nunca o abandonar, mas foi o primeiro a o negar. Foi identificado como cristão, quando Jesus foi preso, mas negou ser discípulo de Cristo. Da mesma forma que lhe foi revelada , pelo Espírito que Jesus era o Cristo, também Satanás o incitava a negar a obra da cruz e não compreender as coisas que são de Deus. (Mc 16:16-17;21-22).
Muitas vezes as pessoas não entendem o porque Jesus disse a Pedro isso:
“Pedro quando te converteres, fortalece teus irmãos” (Lucas 22:31-33). O convencido sempre acha que está firme em Deus. O Senhor sabia das fraquezas de Pedro. Teve misericórdia dele, quando Satanás o quis cirandar como trigo, por sua legalidade e o Senhor rogou por Ele. (Lucas 22:31-32). Muitas vezes damos legalidade ao inimigo agir em nossas vidas. Assim como Pedro, Judas andava com Jesus e estava convencido que o que fazia era o melhor, entregando Jesus. Mas Judas nos mostra que a palavra de Deus em sua vida foi semeada entre os espinhos (Mc 4:19). Mas este é o pior tipo de convencido, que é aquele que troca Deus por riqueza, pelos cuidados do mundo, como o jovem rico, como Ananias e Safira que preferiram roubar a Deus. Estes por mais que andem com Jesus, nunca darão fruto, pois divide Deus com o mundo E não podemos servir a dois senhores.
A Deus ou as riquezas (Lc 16:13).

Convertido: Que mudou seu caminho, que se transformou – A palavra do Senhor diz em Romanos 12:2 diz: “Não vos conformeis com este século (mundo), mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimente qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus. (Rm 12:2). A palavra de Deus para mudança de mente é metanóia. Essa mudança de mente e transformação só é possível quando buscamos a presença de Deus e recebemos do seu Espírito Santo Essa renovação de mente só virá quando formos “esclarecidos” pelo Espírito Santo. A palavra do Senhor diz que é o Espírito que convence o mundo do pecado, da justiça e do juízo. (Jo 16:8). O Espírito Santo é que ensina e nos faz lembrar-se de tudo que Jesus disse, da palavra de Deus (Jo 14:26). É o Espírito Santo que testemunha ou seja, testifica Jesus e só assim conseguimos testemunhar Jesus aos outros, através do Seu Espírito. Muitos cristãos não foram transformados ainda, nem se converteram, pois não receberão o Espírito de Deus, o Consolador. É por isso que muitos tem tido dificuldade em sua vida cristã. A palavra do Senhor diz que o Espírito da verdade, Ele vos guiará a toda verdade e anunciam as coisas que hão de vir. (Jo16:13). Um exemplo disso é o próprio Pedro. Pedro como foi dito anteriormente andava com Jesus, foi chamado, mas era convencido. Enquanto andava com Jesus, mas não tinha revelação completa do propósito, Pedro vivia inconstante, mas quando da descida do Espírito Santo em pentecostes, vemos um outro Pedro se levantando.
Um Pedro mais ousado, que não negava seu mestre, que testemunhava dele com autoridade e poder (At 2:14-38). Conversão significa abandonar o pecado e aproximar-se de Deus(At 3:19). E esta relacionada ao arrependimento.
Pedro chorou amargamente quando negou Jesus (Mt 26:74) e se lembrou de suas palavras. Todo aquele que confessa e abandona seus pecados alcança misericórdia. O arrependimento gera conversão e conversão pela fé, gera transformação. A verdadeira conversão gera uma Transformação visível, transformação de mente e atos. Ser convertido não é freqüentar uma igreja, é mais que isso, é ser transformados em Deus de glória em glória, pelo Espírito na sua própria imagem (2 Co 3:18). Os novos convertidos da igreja primitiva não andavam conforme pensamos egoístas, mas diz que em cada alma havia temor, que perseveravam juntos na comunhão e oração (At 4:32-34). Perseveravam unânimes, faziam refeições com simplicidade e alegria. (At 2:42-47). Diz a palavra que com tudo isso contava com a simpatia e deus acrescentava dia após dia os que ia sendo salvos. Conversão gera testemunho que gera frutos, ou seja, outras conversões. (Mt 7:20).
Amados, nós somos conhecidos não por quem nós somos, nem pelo que dizemos, mas pelos nossos frutos, Paulo foi um exemplo de conversão. Passou de perseguidor aos crentes a apóstolo e perseguido. Jesus disse: Serão perseguidos por causa do meu nome. Paulo no dia que foi curado recebeu e ficou cheio do Espírito Santo (At 9:17). Quando somos cheios do Espírito, somos testemunhas vivas de Deus, quando vivemos uma vida rasa diante de Deus não passamos de religiosos ou igrejeiros. O convencido anda conforme a carne, mas o conhecido de Deus segundo o Espírito.

Conhecido: Que muitos conhecem, que tem noção ou experiência, sabido, experimentado, versado e famoso por suas obras.
“Por seus frutos os conhecereis. Porventura se colhem uvas dos espinheiros ou figos dos abrolhos? Assim toda árvore boa produz bons frutos, toda árvore má produz frutos maus. Não pode a árvore boa dar maus frutos, nem a árvore má dar frutos bons”
Nem todo que me diz: Senhor, Senhor. Entrará, no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai (Mt 7:16-21).
Fazer a vontade de Deus é a característica do conhecido de Deus. Jesus disse: Eu desci do céu não para fazer a minha vontade, mas a vontade daquele que me enviou. (Jo 6:38). Para ser conhecido de Deus é preciso viver em obediência.
Jesus disse a seus discípulos: Eis que vos envio a promessa do meu Pai, ficai, porém na cidade de Jerusalém até serem revestidos de poder (Lc 24:49). E esse foi a diferença para os cristãos, a vinda do Espírito Santo. Somos conhecidos por Deus, quando agirmos em conformidade com sua palavra, não somente com sinais, que fazemos em nome dele, mas por nossas atitudes como cristãos. Diz a palavra que os discípulos foram chamados cristãos na cidade de Antioquia quando, mesmo perseguidos anunciavam o nome de Jesus . E por causa deste nome a mão do Senhor era com eles e grandes números de pessoas creram se converteram ao Senhor. E esta fama chegou a igreja que estava em Jerusalém.
Jesus disse que aquele que me confessar diante dos homens eu os confessarei ao Pai e seus anjos. (I Jo 2:23; Lc 12:8 ). Quando testemunhamos Jesus, somos testemunhados por Ele. E com isso fazemos os mesmos sinais que Ele faz. Jesus disse: Fareis os sinais e até maiores que esses e estes sinais seguiram ao que crerem. Como já havia dito os sinais em si não nos torna conhecidos, mas quando fazemos sinais em obediência a Deus.
Uma vez aconteceu dos filhos de Ceva tentou expulsar demônios em nome de Cristo a quem Paulo pregava. Estes não obtiveram êxito, pois não eram conhecidos de Deus, nem das potestades malignas. Os demônios escarneceram os filhos de Ceva e disseram: Eu conheço Cristo e Paulo, mas vocês quem são?
(At 19:13-16). Também a Bíblia relata quando Jesus chegou a Gadara, havia demônios no gadareno que diziam: Que temos nós contigo, Filho de Deus? Vieste aqui atormentar-nos antes do tempo? (Mt 8:28-29).
Isso quer dizer que somos conhecidos por Deus e somos ameaça ao poder das trevas, sendo conhecidos também por eles. Mas isso não significa que fazemos por completo a vontade de Deus. Fazer esses sinais são ordens do Senhor (Mt 10:8), porém fazer a vontade do Senhor é fazer algo completo.

A Bíblia nos afirma que embora muitos tenham feito proezas,sinais,nem todos os que tais praticam são conhecidos Dele, mas somente aqueles que fazem a vontade de Deus
Mateus 7:21-23
Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! Entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus.
Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? E em teu nome não expulsamos demônios? E em teu nome não fizemos muitas maravilhas?
E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade.
Portanto se quisermos ser conhecidos de Deus devemos buscar não somente ser usado, ser revestido de poder. Mas saber diariamente qual é a boa, perfeita e agradável vontade de Deus para nós (Rm 12:2)
E como Paulo ter a mesma certeza que o apóstolo teve quando disse aos Coríntios:
Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido. (I Cor 13:12)

Fonte:
Ministério Com Cristo
http://www.cassiooliv.wordpress.com/